Los Roques: Cayo del Agua e Dos Mosquices

Depois de conhecer Carenero, mas não fazer parte do grupo da lancha de brasileiros, resolvemos escolher as ilhas que queríamos ir sem a opinião dos outros. Entretanto, acabamos fechando o destino de passeio com o casal que conhecemos ainda em Maiquetía e um casal novo de brasileiros que tinha chegado na noite anterior.

Neste dia resolvemos conhecer a ilha mais esperada por nós: Cayo del Agua. Sempre que pesquisávamos sobre o destino da lua de mel as fotos de Cayo del Agua eram as que mais nos deixam com vontade de embarcar o mais rápido possível. Então, enfrentamos 1 hora de solavancos numa lancha para chegarmos ao tão famoso lugar.

los_roques_26

los_roques_27

Cayo del Agua é uma praia linda. A junção o mar sobre o filete de areia é lindo. Só que eu acredito que nós tínhamos visto tantas fotos lindas do lugar que quando chegamos lá achamos o lugar apenas bonito. Acho que o quesito surpresa influenciou muito na nossa paixão por Carenero.

A chuva chegando!

A chuva chegando!

Por alguns minutos pegamos chuva em Cayo del Agua. Foi interessante ver o céu de um lado azul e do outro negro. No fim das contas, o tempo de chuva foi pequeno e mesmo assim pode ser aproveitado. Enquanto chovia nós pudemos fazer Snorkel da mesma maneira. A única diferença é que o mar estava um pouco mexido e não completamente translúcido como sempre.

los_roques_29

Acredito que tenha sido nesse dia que começou a nossa paixão por mergulhos. O Bruno que tinha medo de mar, se sentiu muito livre e seguro com as nadadeira (ou pés de pato). Neste dia ele se arriscou a ir perto de um grande desnível no mar e se encantou com o que viu. Desde então está cada vez melhor adaptado ao mar.

Aluguel de carro

los_roques_30

los_roques_31

los_roques_32

los_roques_33

los_roques_34

Na volta de Cayo del Agua o barqueiro nos levou a uma outra ilha: Dos Mosquices. Dos Mosquices é um local pequeno onde se encontra um projeto de preservação as tartarugas. Não é nenhum projeto Tamar, mas é uma parada muito interessante. Para entrar e ouvir as explicações tivemos que pagar uma taxa de 10 bolivares (menos de 2 reais) por pessoa.

Que tal seguir a gente no Instagram tem muitas fotos rolando por lá!

Viagem em abril de 2012

LEIA MAIS:
Los Roques: Sebastopol, Boca del Medio, Bajo Fabian
Los Roques: Norosky, Crasqui e Rabusqui
Los Roques: Canerero, Sarki e Craski

Posted in AMERICA DO SUL, LOSROQUES, VENEZUELA and tagged , , , , , , , .
Tatiane Dias

Tatiane Dias

A cada dia me desapego mais e mais de bens materiais. A vida nos mostra que mais importante que ter é viver. Por isso, cada brecha que temos já começo a pensar em algum lugar pra ir seja no Rio ou fora dele.

2 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *