Los Roques: Gran Roque

Esse dia foi o mais triste: o último dia em Los Roques. Quando fechamos o nosso pacote com 3 meses de antecedência já não havia a disposição de pegarmos o teco-teco que saía da ilha as 16h30min. Tivemos que pegar o avião de 14h30min e só pegávamos o vôo de volta ao Brasil às 22h45min.

Nós até pensamos em ir conhecer Caracas, só que o aeroporto internacional, não fica em Caracas e, sim, em uma cidade próxima, Maiquetía. E na sexta-feira, estávamos na domingo, tinha sido feriado na Venezuela, ou seja, nos indicaram não ir a Caracas, pois poderíamos nos atrasar e perder o voo.

Foi um chá de cadeira o tempo que ficamos no aeroporto, mas como ficamos no nacional e depois fomos pro internacional, ainda tínhamos umas lojinhas pra distrair. O vôo de volta foi muito cansativo. Só chegamos no Rio de Janeiro umas 10h de segunda-feira.

Mas vamos às últimas horas em Los Roques…

Aluguel de carro

O dia começou triste. Tomamos café com o grupo todo e vimos todos saindo pra mais um dia de passeio e nós optamos por ficar em Gran Roque e conhecer a ilha. Pensamos em ir no farol, mas estava muito quente e desistimos.

Achamos que ir a uma praia próxima seria uma pouco de perda de tempo. Afinal, sairíamos às 9h45min para alguma ilha e teríamos que voltar por volta de 12h. Pra tomar banho e fazer as coisinhas. Se fosse atualmente, possivelmente, teríamos ido só pra ver como é.

Nesse tempo conhecemos Gran Roque, que não tínhamos visto durante o dia e muito pouco durante a noite. Até tem uns lugares para dançar e comer alguma coisa, mas o dia de praia te deixa tão cansado que nem conhecemos.

Entrada da nossa pousada.

Entrada da nossa pousada.

A vila colorida

A vila colorida

Casinhas coloridas

Casinhas coloridas

Mais casinhas

Mais casinhas

O farol

O farol

Como consolo compramos um livro com todas as ilhas que ficamos vendo no nosso chá de cadeira no aeroporto e marcamos todas as ilhas que não conhecemos dessa vez e gostaríamos de voltar e conhecer.

Vou sentir saudades.

Vou sentir saudades.

Espero que essas dicas ajudem alguém e qualquer dúvida só deixar um comentário.

Observações:
1- Mesmo ficando num quarto duplo os $130,00 são pagos por pessoa, ou seja, no nosso caso é só multiplicar por 2. Acho que é porque escolhemos o pensão completa e eles incluíam o jantar para 2 pessoas e 1 garrafa de vinho por casal.
2- Tivemos um acréscimo de 7% de taxa administrativa porque pagamos tudo com cartão de crédito.
3- Tem uma taxa de turismo em Los Roques que saiu uns 210 bolívares por pessoa.
4- Nós compramos a passagem em janeiro pra viajar em abril, na volta tivemos que pagar uma diferença na taxa de embarque, por isso, é bom ter um pouquinho de bolívares.
5- A Pousada Sol y Luna era única, não sei se ainda é, a estar incluído em todas as noites que você se hospedar o passeio para as praias mais próximas (Francisquí e Madrisqui), quando queríamos ir a praias mais longe, tínhamos que pagar apenas a diferença do valor desse passeio para os mais longe. Na demais pousadas, se você fosse nos outros mais longe tinha que pagar integral. Por esse motivo a gente paga pouquíssimo. Para vocês terem uma ideia levamos $1000 e ainda voltamos com uns $500. Gastamos apenas com a diferença dos passeios, um jantar de Lagostas e umas bobagens de lembranças.
6- A VeneBrasil está com uma Pousada Nova, eu achei bem bonita: La Corsaria.

Que tal seguir a gente no Instagram tem muitas fotos rolando por lá!

Dados Financeiros:
Hotel Turístico com Translado em Maiquetía: $ 30,00
Voo Maiquetía x Los Roques (Chapi Air): $ 272,80
Pousada Sol y Luna: $130,00 diária por pessoa, ou seja, o casal saiu $260,00

Viagem em abril de 2012

LEIA MAIS:
Los Roques: Cayo del Agua e Dos Mosquices
Los Roques: Canerero, Sarki e Craski
Los Roques: esclarecimentos sobre os hotéis

Posted in AMERICA DO SUL, LOSROQUES, VENEZUELA and tagged , , , , , , , .
Tatiane Dias

Tatiane Dias

A cada dia me desapego mais e mais de bens materiais. A vida nos mostra que mais importante que ter é viver. Por isso, cada brecha que temos já começo a pensar em algum lugar pra ir seja no Rio ou fora dele.

2 Comments

    • Pois é, não está muito fácil e ainda mais os vôos saindo de outro aeroporto bem mais longe do maiquetia, mas uma hora acalma e você irá conhecer, enquanto a isso viaje para qualquer outro lugar, não pode ficar parada, rsss. Abraços…

      Bruno Ferreira
      Poraí e poraqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *