Paracas: passeio a Reserva Nacional de Paracas

Depois de fazer o passeio as Islas Ballestas na parte da manhã, seguimos para o segundo passeio do dia: a Reserva Nacional de Paracas, que é uma vasta reserva desértica que ocupa a maior parte da península de Paracas.

Reserva_Nacional_Paracas_Peru-4

Nós fechamos o passeio saindo de Ica direto com a recepção de nosso hotel. Mas além dessa opção, é possível fazer o passeio com motoristas de táxi que também servem de guias. Eles costumam esperar diante do cais, onde os passageiros desembarcam na vila de praia de Paracas, El Chaco. Atualmente, acreditamos que essa é uma das melhores opções, já que poderíamos parar onde e quando quiséssemos.

Reserva_Nacional_Paracas_Peru-5

Reserva_Nacional_Paracas_Peru-12

Reserva_Nacional_Paracas_Peru

Também há a opção de ir andando de El Chaco até a Reserva. Na entrada dela, é possível alugar uma bicicleta que vem com mapa para auxiliar no deslocamento dentro da Reserva. Achamos que essa opção é muito boa para quem dorme em Paracas e tem todo o dia para explorar a Reserva, temos uma amiga muito próxima que fez essa opção e adorou. Nós fizemos de carro e sentimos um pouco por não termos explorado mais.

Reserva_Nacional_Paracas_Peru-13

Dentro da Reserva Nacional de Paracas, há alguns pontos que merecem ser explorados:

Centro de Interpretação
Este ponto é a porta de entrada da Reserva, se localizando a 1,5km ao sul da entrada do parque onde é cobrado o ingresso de entrada. Nós não entramos nesse espaço, mas lemos que há um vídeo não muito interessante. Já o Museu Julio C. Tello, inaugurado em julho de 2012, foi nossa última parada antes de deixarmos o local. A exposição que estava a mostra no dia foi bastante interessante. Segundo nosso guia, a baía em frente ao complexo é o melhor local para ver flamingos-chilenos, apesar deles estarem bastante distantes.

Reserva_Nacional_Paracas_Peru-16

Reserva_Nacional_Paracas_Peru-8

Punta Arquillo
Essa foi a primeira parada da nossa van, enquanto ela ficava no estacionamento, nós nos dirigimos até o mirante no alto de uma falésia. Pudemos admirar a incrível vista do oceano, uma colônia de leões-marinhos nas rochas abaixo e a abundancia de aves marinhas.

Reserva_Nacional_Paracas_Peru-2

Reserva_Nacional_Paracas_Peru-17

Aluguel de carro

Lagunillas
De lá, seguimos para as Lagunillas, onde paramos para almoçar. O local conta com três opções de restaurantes, mas o nosso motorista nos indicou um em especial. Até hoje não sei se era o que eles tem uma parceria ou se há um revezamento de indicação como já vimos em outros locais.

Reserva_Nacional_Paracas_Peru-11

Reserva_Nacional_Paracas_Peru-15

Reserva_Nacional_Paracas_Peru-14

Depois de almoçarmos, passeamos pelo local, subimos uns morros para batermos fotos enquanto alguns turistas da Europa aproveitavam a praia, que para nós, cariocas, estava bem gelada.

Praia de La Mina
Passamos rapidamente por essa praia. A intenção era apenas ver e bater fotos. Ao lado dela fica a praia de El Raspón, a mais rochosa.

Reserva_Nacional_Paracas_Peru-9

Reserva_Nacional_Paracas_Peru-10

Reserva_Nacional_Paracas_Peru-7

A beleza da Reserva Nacional de Paracas nos surpreendeu imensamente. Nós sabíamos que o local era bonito e deveria ser preservado, mas nunca tinha lido sobre ser tão bonito. Também não estava preparada para a quantidade de areia que nos atacaria. Pois é, no local, venta muito. Então, nós ficamos com muita areia pelo corpo inteiro. Por esse motivo, foi muito bom o hotel ter nos deixado fazer late check out. Pudemos retirar grande parte da areia e seguir viagem para Nazca.

Um imprevisto
Uma dica para quem for fazer um roteiro parecido com o nosso, é deixar uma folga nos horários de viagens e passeios.

De acordo com a nossa programação, nos estaríamos no hotel por volta das 16:30. Por conta desse horário, nós compramos passagem de Ica para Nazca para 20 horas. Já pensando em fazermos tudo com calma. Só que durante a volta da Reserva Nacional de Paracas, a Van em que estávamos começou a apresentar um problema. O motorista parou diversas vezes na estrada e o retorno foi bem lento. Acho que chegamos no hotel mais de 17:30 e ainda íamos pegar nossas roupas que tínhamos deixado na lavanderia.

Como o nosso ônibus era bem mais tarde, ainda conseguimos fazer as coisas que precisávamos sem muita pressa, mas fico pensando que se tivéssemos comprado mais cedo. De repente, não tivéssemos tido essa sorte.

Que tal seguir a gente no Instagram tem muitas fotos do Peru rolando por lá!

Dados Financeiros:
Transporte + Islas Ballestas + Reserva Nacional de Paracas: S./ 125

Viagem realizada em Agosto de 2014.

LEIA MAIS:
Peru: que moeda levar?
Peru – Ica, a cidade do sol eterno
Ica: City Tour e Winery Tour

Posted in AMERICA DO SUL, ICA, PARACAS, PERU and tagged , , , , , , , .
Tatiane Dias

Tatiane Dias

A cada dia me desapego mais e mais de bens materiais. A vida nos mostra que mais importante que ter é viver. Por isso, cada brecha que temos já começo a pensar em algum lugar pra ir seja no Rio ou fora dele.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *