Deserto do Atacama: Trekking Guatin – uma caminhada entre os cactos

Finalmente, chegou a hora de relatar nosso primeiro trekking no Deserto do Atacama.

Apesar de, até o dia deste passeio, já termos realizado 9 passeios no Deserto do Atacama ainda não tínhamos iniciado os passeios com mais aventura e desgaste físico, só descobri depois que esse trekking era bem leve. Então, estávamos bastante empolgados em conhecer a trilha de cactos. O trekking se baseia em subidas e descidas em pedras ao redor de uma vegetação cheia de cactos, cortada por um rio e vegetação diferente das que tínhamos visto até o momento.

Treking_Guantin_Atacama-7

Trekking Guatin
Este passeio nós fechamos mais uma vez com a agência Ayllu, uma das poucas que realizam esse trajeto, inclusive, o trekking não estava na relação dos passeios enviada pela agência. Nós descobrimos ele através do Guia Mundo Afora e adoramos a ideia de combinar com a ida as Termas Puritanas.

Treking_Guantin_Atacama-3

Um diferencial desse passeio foi o fato dele ser quase exclusivo. No passeios estávamos apenas nós e um casal de São Paulo que nós já tínhamos visto em outros passeios feitos com a Ayllu. Nós fomos no carro do Gino, o guia do passeio, e fomos conversando muito com o casal que já tinha passado uns dias em Santiago e nos deu várias dicas, afinal, nós teríamos uns dias na capital após nossa estadia no Atacama.

Treking_Guantin_Atacama-2

Treking_Guantin_Atacama-8

Outro ponto importante do passeio foi descobrir que o Gino é o único em San Pedro do Atacama certificado em trekkings de alta montanha. Inclusive, no dia em que fizemos o passeio, uma pessoa que queria muito conversa com ele nos acompanhou. Pelo que ele nos contou ela queria contratar ele para dar aula de primeiros socorros em um curso. Tudo isso só mostra como ele tem experiência e é indicado para as atividades de mais emoção.

Treking_Guantin_Atacama-15

Eu e o Bruno gostamos muito de fazer trilhas e entrar mata a dentro. Então, posso dizer que esse trekking é bem tranquilo. Não tivemos dificuldade nenhuma ao longo do passeio, mas pudemos perceber um cuidado especial do Gino com nossos amigos paulistas. Eles pareciam um pouco menos seguro e o Gino sempre mostrava exatamente onde pisar, onde estavam as pedras soltas, qual perna deveríamos apoiar. Então, mesmo se você não tiver experiência em trilhas, não precisa se preocupar. Vá e aproveite a paisagem.

Treking_Guantin_Atacama-6 Treking_Guantin_Atacama-9

Uma parte do passeio que achei um pouco comprometida foi as explicações sobre a vegetação. Não que ele não tenha feito, mas como eu disse havia uma outra pessoa conosco que não estava focada na trilha, portanto, isso tirou um pouco da atenção dele. Apesar dele parar e explicar um pouco da vegetação não sei se teria mais coisas a serem ditas caso ela não estivesse ali. Por outro lado, como o ritmo era um pouco mais lento, pudemos aproveitar bastante a paisagem e o tempo para fotos.

Treking_Guantin_Atacama-11

O cacto de 10 metros de altura
Ver o cacto gigante era uma das coisas que nós estávamos esperando ansiosamente. E quando o vimos ficamos realmente impressionados. O Cactus Abuelo possui aproximadamente 300 anos de vida e 10 metros de altura!

Treking_Guantin_Atacama-4

Treking_Guantin_Atacama

Nós levamos aproximadamente 2 horas para finalizar todo o percurso. Não tivemos nenhum problema com o mal da altitude, acreditamos que quase ninguém deve sofrer desse mal, afinal, a altura não é muito alta, são apenas 3000 metros de altitude, um pouquinho mais alto que San Pedro.

Treking_Guantin_Atacama-13

Acho que de todo o trekking, a parte mais difícil e, talvez, um pouquinho perigosa é a subida final. Nessa parte é necessário subir uma pequena ladeira repleta de pedras soltas. O Gino nos indicava onde colocar os pés e sempre tomar cuidado para não fazer rolar muitas pedras na cara de quem vinha atrás.

Treking_Guantin_Atacama-5

Ao final da escalada começamos o caminho de retorno ao carro em um campo aberto. Essa parte era apenas de caminhada sem esforço, mas que nos levou até uma parte do passeio que estávamos loucos pra ver: a região onde se encontra a Cola de Zorro.

Treking_Guantin_Atacama-16

Essa vegetação lembra trigos gigantes. O local é tão bonito que poderíamos ficar por ali por muito tempo apenas apreciando a vegetação e batendo várias fotos com o sol em ângulos diferentes. Mas nós ainda tínhamos uma outra parada, então, não pudemos nos dar esse luxo.

Treking_Guantin_Atacama-17

Nós gostamos muito do passeio e do guia, que a todo momento foi atencioso com nos 4 respeitando o ritmo de cada um durante todo o passeio. Achamos que o trekking é bem leve e o Gino é um ótimo profissional. Mesmo que você seja iniciante vai poder aproveitar bem o passeio.

Treking_Guantin_Atacama-10

* O blog Por aí e Por aqui recebeu apoio da Ayllu para a realização de todas as excursões fechadas com eles no Deserto do Atacama. A parceria foi realizada, mas a opinião expressa no relato é pessoal e de acordo com a experiência proporcionada pelo trabalho da agência.*

Que tal seguir a gente no Instagram tem muitas fotos do Atacama rolando por lá!

Viagem realizada em Novembro de 2014.

Dados Financeiro: 
Trekking Guatin: R$ 238,00

LEIA MAIS:
Deserto do Atacama: Salar de Tara
Deserto do Atacama: Valle de La Luna e Valle de la Muerte
Deserto do Atacama: Valle del Arco Iris

Posted in AMERICA DO SUL, AVENTURA, CHILE, SAN PEDRO DO ATACAMA and tagged , , , , , , .
Tatiane Dias

Tatiane Dias

A cada dia me desapego mais e mais de bens materiais. A vida nos mostra que mais importante que ter é viver. Por isso, cada brecha que temos já começo a pensar em algum lugar pra ir seja no Rio ou fora dele.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *