Fernando de Noronha: Passeio de Barco com o Trovão dos Mares

Depois de passarmos um dia inteiro fazendo o Ilha Tour de Buggy privado com o nosso guia, chegou a hora de conhecermos a ilha a partir do mar.

Nós adoramos passeios de barco, já fizemos vários em diferentes lugares. Então, quando começamos as pesquisas sobre os passeios de barcos oferecidos em Fernando de Noronha, tivemos como referencia de melhor passeio de barco na ilha a empresa Trovão dos Mares.

Com toda essa fama, é claro que o valor do passeio deles era o mais caro. Apesar de pensarmos um pouco antes de fazermos a reserva, achamos que não valia a pena arriscar fechar com outra empresa se a diferença não era assim tão exagerada. Então, entramos no site da empresa, que é muito claro, e fizemos as nossas reservas. Recebemos um email de confirmação e fomos informados que teríamos que ir até a agência, que fica na Vila dos Trinta, para efetuar o pagamento e assim confirmar a reserva.

Essa parte de ir até a agência foi meio chata porque não estávamos hospedados perto e chegamos a passar por ela próximo ao horário de almoço, voltando da Praia do Porto, e ela estava fechada. Então, tivemos que voltar outro dia, depois da Trilha Longa do Atalaia para finalizar nossa reserva. Achamos que se houvesse como pagar online tudo seria mais prático.

O passeio
O embarque no catamarã, que saí da Praia do Porto, acontece entre 9h e 9h30min. Então, antes disso a van do Trovão dos Mares passou em todas as pousadas para pegar todos que iriam participar do passeio no dia.

Passeio_Barco_Ilha-23

Vista do Cais do Porto

Passeio_Barco_Ilha-22

Morro São José

Ao chegar no cais para o embarque no catamarã é necessário apresentar sua carteirinha que comprova o pagamento da taxa do ICMBio, mas eles conseguem verificar sua situação pelo CPF também.

Passeio_Barco_Ilha-19

Quando entramos no catamarã pudemos ver o primeiro item que torna o passeio do Trovão dos Mares especial. O catamarã tem uma ótima estrutura e não conta com um número exagerado de pessoas. Durante todo o passeio pudemos circular livremente pelo barco, trocando de lugar de acordo com o nosso gosto pela vista e sem atrapalhar ninguém.

Passeio_Barco_Ilha

Falésia do Leão

Passeio_Barco_Ilha-2

Morro do Pico

Passeio_Barco_Ilha-3

Nosso roteiro começava passando pelas ilhas secundárias, que é uma região totalmente protegida sem acesso terrestre. O barco navega por todo o mar de dentro para conhecermos todas as praias. Avistamos o Morro do Pico com 321 metros, que o nosso guia do Ilha Tour já tinha contado algumas histórias e nos mostrado alguns escaladores no dia anterior. Depois passamos pelo cartão postal da ilha – o Morro Dois Irmãos. E seguimos pela Baía dos Golfinhos até a Ponta da Sapata onde contemplarmos o Portal, que é uma “janela” com vista para o mar de fora. Ali um dos tripulantes do barco nos fez ver como a estrutura da pedra se assemelhava ao mapa do Brasil. Ele, inclusive, disse que há uns anos atrás o mapa era exatamente igual ao mapa, mas com o passar dos anos ele foi se modificando.

Passeio_Barco_Ilha-4

Passeio_Barco_Ilha-5

Morro do Pico

Passeio_Barco_Ilha-6

É importante dizer que toda essa parte do passeio foi feita sem sairmos do barco para nenhum banho de mar. Contudo, não achamos que o percurso foi feito com pressa, nós pudemos apreciar com calma a paisagem acompanhada de muitas histórias locais contada pela tripulação de todos os pontos turísticos mencionados.

Passeio_Barco_Ilha-7

Muita beleza num lugar só!

Passeio_Barco_Ilha-8

O cartão postal de Noronha: Morro Dois Irmãos

Passeio_Barco_Ilha-9

Depois de chegarmos a Ponta da Sapata, o catamarã retornou para a nossa única parada do passeio. Fomos em direção as águas cristalinas da Baía do Sancho. Enquanto, nós nos jogamos na água para apreciar muitos peixes através da prática de snorkel. A tripulação ficou no barco fazendo o almoço.

Passeio_Barco_Ilha-10

Chegando a Ponta da Sapata.

Passeio_Barco_Ilha-11

Conseguem ver o mapa do Brasil?

Passeio_Barco_Ilha-14

Algumas pessoas saem do barco e nadam até a praia para aproveitar a parada. No dia em que fomos o responsável pelo passeio não nos indicou a fazer isso porque o mar estava batendo forte na areia. Nós optamos por ficar o tempo todo fazendo snorkel no lado direito da praia onde há um grande número de pedras e, consequentemente, peixes.

Passeio_Barco_Ilha-22

Depois do tempo de mergulho, apreciaremos um buffet a bordo preparado durante o passeio pela equipe da cozinha, com vista para a Baía do Sancho em mesas colocadas no deck do catamarã debaixo de uma lona que nos auxiliava a não almoçar no sol. O buffet era excelente. A comida estava saborosa, contava com algumas opções de comida japonesa e foi reposta algumas vezes o que fez com que todos pudessem comer a vontade.

Após a finalização do almoço, as mesas do deck foram desmontadas e começamos a volta do passeio para a Praia do Porto. Como é quase tradição em Fernando de Noronha, nosso passeio foi finalizado por um show aquático de muitos golfinhos ao redor do catamarã.

Passeio_Barco_Ilha-15

Passeio_Barco_Ilha-16

Nós já tínhamos visto essa pequena apresentação num passeio de barco em Pipa, mas em Fernando de Noronha a quantidade deles era muito maior e eles acompanharam o barco por muito tempo. Não tinha como ter um fim do dia mais especial!

Passeio_Barco_Ilha-18

Passeio_Barco_Ilha-17

Aqui se encerrava o passeio para as pessoas que não fecharam o pacote que incluía o Prancha Sub. Nós ainda tivemos mais 1 hora de passeio num barco menor, semelhante a uma escuna. Nele fomos divididos em 2 grupos que faziam a prática do Prancha Sub por aproximadamente 30 minutos nas águas do Porto. A prática consistia em ser puxado pelo barco apenas segurando uma prancha que podia ficar sobre a água ou afundar um pouco e ver em detalhes a vida marinha do porto e os destroços de uma naufrágio que ocorreu por lá.

Esperando a nossa vez!

Todas as mochilas ficam em cima para não molhar.

A principio, eu fiquei um pouco com medo de fazer essa atividade. Tinha medo da prancha me machucar e eu não estar segura ali, mas depois de ver o primeiro grupo e, principalmente, após entrar na água vi que o prancha sub é ótimo. A prancha é muito fácil de segurar, o barco não anda muito rápido, então, não se corre o risco de soltar ou de não ver nada no fundo do mar porque passa rápido. No fim, eu queria mais tempo naquela atividade.

Só lamentamos que no dia que fizemos esse passeio, o mar estava mais mexido e as águas não estavam tão cristalinas.

O passeio dura em torno de 5 horas desde a hora que embarcamos no cais até eles nos deixarem de volta na pousada.

Achamos que o passeio de barco por Fernando de Noronha é um complemento ao Ilha Tour. Em cada um deles, temos acesso as belezas da ilha de uma forma diferente, tanto de olhar quanto de experiência. Adoramos o passeio e faríamos novamente, inclusive, o prancha sub.

Que tal seguir a gente no Instagram tem muitas fotos rolando por lá!

Dados Financeiros:
Trovão dos Mares: R$ 280,00 por pessoa
Valor sem realizar Prancha Sub: R$ 230,00

Viagem realizada em Setembro de 2015.

LEIA MAIS:
Fernando de Noronha: Review – Pousada da Bel
Fernando de Noronha: Review – Pousada da Maga
Fernando de Noronha: itens importantes no seu planejamento

Posted in AMERICA DO SUL, AVENTURA, BRASIL, FERNANDO DE NORONHA, PERNAMBUCO, PLANEJAMENTO and tagged , , , , , , .
Tatiane Dias

Tatiane Dias

A cada dia me desapego mais e mais de bens materiais. A vida nos mostra que mais importante que ter é viver. Por isso, cada brecha que temos já começo a pensar em algum lugar pra ir seja no Rio ou fora dele.

20 Comments

  1. Que passeio maravilhoso. Passei minha lua de mel neste paraíso, numa época em que só existia um unico hotel, onde as suítes eram em forma de iglu. Tenho muota vontade de retornar, apesar de saber que hoje essa ilha está bem diferente q daquela epoca.

    • Nossa, Sil.!
      Você deve ter visto uma ilha muito diferente.
      Conhecemos uma mergulhadora em um passeio que nos disse que era a última vezes que mergulhava em Noronha porque a vida marinha está muito diferente, menos variedade segundo ela.

      Acho que temos que tentar cuidar muito dessa ilha pra ela não se perder.

  2. Fernando de Noronha é incrível né? Pena que é tudo tão caro =/ Mas realmente as vezes é melhor pegar o passeio mais caro e ter mais a garantia de que será um bom passeio do que pagar mais barato e passar praticamente o dia todo em uma coisa que não está legal

    • Oi, Paola.
      Noronha é mesmo um pouco caro. Mas sabendo pesquisar, montar a viagem um pouco fora da alta temporada sempre da pra tornar a passagem um pouco mais barata.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *